Input Content

TCC – Trabalho de conclusão de curso

Não pensando apenas no TCC, mas num trabalho que seja relevante e que possa dar continuidade e que já tinha em mente a um bom tempo, escolhi como tema os “moradores de rua“.

Por que essa escolha?

Em 2004 comecei a fazer parte de uma campanha de ajuda aos moradores de rua no qual estou até hoje numa grande satisfação. Pelo fato de estar há 5 anos, tenho uma grande noção sobre o assunto e que me facilita em relação à pesquisa.

Quem faz parte?

Minha família e a família do coordenador/professor do colégio em que eu estudava.

Como funciona?

Todos os domingos às 21hs somos aguardados pelos moradores de rua do município de São Gonçalo que esperam pela janta que distribuímos. Não só pela janta, eles esperam por roupas, agasalhos, calçados, cobertores, ombro amigo, simpatia, oração, etc.

Temos colaboradores para manter este projeto e nunca faltar comida para doarmos à eles, mas não é só disso que precisam.

Enfim…

Por isso tive a ideia de criar um website que fizesse a divulgação desse tema de uma maneira interativa e que comova os usuários, fazendo-os entender sobre esse lado que, geralmente, não é visto por causa do preconceito. “Somos todos iguais

O que te comove?

154976

Como será?

O website estará na versão 5.0 do HTML, pois é a que ando trabalhando ultimamente, tenho um excelente retorno pelo fato de ainda ser experimental e muita gente tem a curiosidade em conhecer sites em HTML 5. Isso seria um marketing para o site e que seria divulgado automaticamente por blogueiros e pelo famoso site HTML5Gallery.

Algo inovador: haverá uma loja virtual no qual estará à venda os produtos que utilizamos para doação nessa campanha tais como cobertores, calçados, agasalhos, alimentos não-perecíveis, etc. Seria uma maneira de uma pessoa contribuir e escolher o fim dado ao dinheiro doado.

**Quanto à confiança da pessoa que irá fazer a doação: todos os domingo sempre há uma nova pessoa que gostaria de contribuir. Será dado um cartão com o site para que a doação seja por lá. Além do mais, ela verá mais sobre a nossa campanha e poderá até doar mais um pouco do que pretendia. Também poderá divulgar para outras pessoas fazerem o mesmo. Falo isso, pois não começamos com esta campanha ontem, já tem mais de 5 anos e sei que dará certo esta ideia.

Contribua com ideias, deixe um comentário

25 Response Comments

  • Ednea Regina  9 de outubro de 2009 at 17:53

    Nossa! Amei o trabalho!
    Sim, devemos nos conscientizar nas questão dos moradores de rua. Eles são apenas pessoas como nós, que se tornam vítimas de muitas coisa ruim.
    Morar na rua deve ser horrível! Ter que se sujeitar: ao frio, às brigas alheias, aos xingamentos (porque sim! Eles são xingados, e muito!), e Às piores coisas que se possa imaginar.
    Apoio com garra esse trabalho! Amei!
    Parabéns!

    Ass: Ednea.

    Responder
  • Ianni Estevo  9 de outubro de 2009 at 17:59

    Achei maravilhosa a iniciativa de vocês, além de ajudar muita gente que precisa influência a muita gente não só na opinião e também a ajudar a vocês, continuem com esse trabalho porque vocês vão fazer muito sucesso com essa inicativa. E quando a loja virtual estiver pronta pode contar comigo pois irei ajudar de todo coração e muita boa vontade. E o seu projeto pra faculdade está ótimo você está de parabéns, tá muito bom ! :D.

    Responder
  • Bruna  9 de outubro de 2009 at 18:30

    Isso mesmo!
    Temos que concientizar as pessoas, que há vidas nas ruas precisando de nossa ajuda, e que com um pouquinho da ajuda de cada um, podemos fazer um mundo bem melhor e talvez reduza o número de moradores de rua.
    Parabéns pelo seu trabalho Everton!
    Seu trabalho incentiva cada uma das pessoas que por aqui passam, para que todos nós também tomemos providências disso e possamos ajudar de alguma maneira, enfim seu trabalho para a faculdade está ótimo! Parabéns novamente!

    Beijos

    Bruna.

    Responder
  • Janaina  9 de outubro de 2009 at 18:48

    Não poderia ser diferente… filho de peixe peixinho é como dizem por aí… Seu pai sempre pensando no próximo com vc não seria diferente… Parabéns, adorei a idéia, está muito bom!!!
    Beijãoooo!

    Responder
  • Max Rodrigues  9 de outubro de 2009 at 21:30

    Eu conheço esse trabalho e já tive a oportunidade de ajudar nas distribuições de quentinhas para os moradores de rua. O mundo está precisando de mais pessoas assim. Imagine se todos ajudassem ao próximo, esse mundo estaria muito melhor

    Responder
  • Thales  10 de outubro de 2009 at 20:23

    Eu também tive a oportunidade de colaborar com este projeto e estou até hoje por vontade própria porque é um trabalho que motiva a gente em ver a alegria da pessoa quando estamos lá. Somos uma família. Estamos juntos nesse trabalho.

    Responder
  • Rafaella  13 de outubro de 2009 at 08:48

    Everton…nao sabia q vc ajudava as pessoas!!

    Tá de Parabens!!!

    Contitue assim como vc é..

    Somos todos iguai..independente de qualquer coisa..

    Nós somos apenas merda ambulante do Mundo que faz tudo pra chamar a atenção.

    Nós somos da mesma matéria orgônica podre, como todo mundo.

    Bjao

    Responder
  • Karlinha  15 de outubro de 2009 at 14:53

    Evertoon…axeii muiito interessante o projeto!!
    Gostei muiiito!
    Você está de PARABÉNS!!beiijoos =)

    Responder
  • Igor  16 de outubro de 2009 at 23:29

    Amigo, Parabéns pela idéia e pela sua iniciativa!

    Que você não só tenha sucesso no TCC com essa idéia como também tenha oportunidade de continuar levando ela adiante com todo sucesso do mundo também!

    Abração!

    Igor Amado

    Responder
  • ivani linhares aragão  24 de outubro de 2009 at 11:47

    AMEI SUA IDEIA , MUITO LEGAL parabens , e que tudo der certo bjs

    Responder
  • Auro Maia Soares  21 de janeiro de 2010 at 21:10

    Boa Idéia. PRECISAMOS ACABAR COM O PRECONCEITO QUE MUITAS PESSOAS CARREGAM SOBRE OS MORADORES DE RUA.

    Responder
  • Dorival  10 de fevereiro de 2010 at 11:22

    Aqui em São Paulo ensinamos moradores de Rua ou pessoas
    de baixo poder aquisitivo á consertar lavadoras , secadoras
    e tambem sobre cultura hidroponica.
    Ter pena ou compaixão não é tudo!

    Responder
  • Mayara  22 de junho de 2010 at 21:24

    Parabéns pelo trabalho incrível!!!

    Responder
  • raquel maia  5 de agosto de 2010 at 13:08

    ADIMIRO MUITO O TRABALHO DE VCS GOSTARIA DE SABER COM O FAÇO PARA ESTA COMEÇAR UM TRABALHO COM MORADORES DE RUA POIS JA TEM 2 SEMANAS QUE ESTA CHUVENDO E MUITO FRIO E TENHO ME PREOCUPADO. TEM ALGUMA BUROCRACIA PRA DISTRIBUIR ALIMENTOS A ELES? POR FAVOR SE PODER ME AJUDAR AGRADEÇO

    Responder
  • Marilia Martins  20 de maio de 2011 at 21:49

    Pessoal que Nosso Senhor os proteja, por esta maravilha de obra, na verdade a gente nao ajuda so eles , ajuda principalmente nos, isto é muito lindo, Parabens

    Responder
  • MICHELINE  7 de junho de 2011 at 15:34

    Boa tarde,

    sou acadêmica do curso de Direito e estou fazendo um trabalho sobre Moradores de Rua. Achei muito interessante você ter abordado este tema em seu TCC. Almejo saber,é possível você me auxilar com algum material ou depoimento? Meu trabalho é para disciplina de Antropologia.
    Desde já, obrigada.

    [e-mail oculto] email
    Micheline Rossmann facebook

    Responder
  • carol  21 de julho de 2011 at 21:24

    bom eu sempre tive o desejo de ajudar todas as pessoa seii que sou muito pequena mas deus toca todos os dias e falaencanto é tempo mas eu sou forte e tenho fé que ele me enviara uma pessoa abençoada pra me ajudar!
    >se alguem sober de alguma coisa me ajude e me de um toque entra no meu email que éQUEM PUDER ME AJUDE!!! A REALIZAR ESSE DESEJO

    Responder
  • Robson Luiz cardoso  9 de novembro de 2011 at 20:51

    Eu tambem trabalho com morador de rua me dedico muito a eles eu fui um deles um dia e muito bom pra mim

    Responder
  • Sheila  5 de dezembro de 2011 at 12:20

    Gracias amigo. Muy bien :-)

    Responder
  • Isabel  10 de janeiro de 2012 at 21:14

    Olá, a moradores de rua de qual região você se refere e trabalha? Em que estado você está?
    Abraços.
    Parabéns pelo trabalho.
    ISabel

    Responder
  • Meu Aprendizado  10 de maio de 2012 at 01:54

    Pesquisando na internet , podemos perceber que não precisamos ser um gênio, nem termos o poder de autoridade para demonstramos nossa solidariedade, eu gosto de pesquisar para aprender e começar a seguir esses exemplos tão dignos e que ainda não ocupam espaço na mídia.Parabéns Everton Mello

    Responder
  • osmar  12 de junho de 2012 at 13:41

    Como guarda municipal e coordenador do gapsir, gpop, fico muito satisfeito em saber que pessoas como você, saem das suas casas para ajudar pessoas que nem conhecem, parabéns.

    Responder
  • Lola D. Shannon  9 de junho de 2013 at 11:21

    ‘Queremista’Na terça-feira, 19, em entrevista à Rádio Companhia FM, questionado se ainda poderia voltar a ser aliado de Marconi Perillo, o senador Demóstenes Torres afirmou não ser “queremista”. O movimento ‘queremista’, de mobilização das massas em apoio a Getúlio Vargas surgiu em 1945. Um dos líderes do movimento era o líder comunista Luiz Carlos Prestes, que anos antes tinha tido sua mulher, Olga Benário, entregue ao nazismo (e, posteriormente, morta) por Vargas. A associação com uma passagem da história política do País ocorreu motivada por outra briga com Marconi Perillo, também já exposta durante a campanha. O pefelista sugere que o ex-governador é o mandante do atentado sofrido por ele em 2004 – a casa do senador foi alvo de um ataque a tiros. A revista semanal Carta Capital (edição 408), no início de setembro, trouxe reportagem em que liga a segurança do ex-governador ao atentado. A resposta de Marconi Perillo à revista foi atacar o pefelista: “Não tenho perdido tempo com Demóstenes Torres. Considero-o inconfiável e desprovido de caráter. É traidor, leviano, tem uma mente doentia e é capaz de qualquer coisa para atingir seus objetivos”. A partir daí, o confronto ganhou ares de briga de rua. Durante debate promovido pela TV Record, em 11 de setembro, Demóstenes afirmou que “Marconi reagiu como reage qualquer bandido”. O tucano voltou a dizer que Demóstenes tem “mente doentia e é uma pessoa do mal”, em sabatina realizada pelo Jornal O Popular, no dia 14.

    Responder

Leave A Comment

Please enter your name. Please enter an valid email address. Please enter a message.